Com gol de letra, Fluminense vence o Boavista pela Taça Rio

Luciano fez dois gols na vitória tricolor na noite desta quinta-feira, sendo um de letra, na vitória por 3 a 0 em jogo antecipado da quinta rodada no segundo turno do Carioca

0

No jogo antecipado da 5ª rodada da Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca, por conta de ter um compromisso pela Conmebol Sul-Americana na semana que vem, o Fluminense visitou o Boavista na noite desta quinta-feira, vencendo por 3 a 0 – com tranquilidade. A partida ganhou um contorno fácil para o Tricolor depois de os donos da casa terem feito um gol contra com três minutos de jogo. Luciano fez os dois gols que completaram o placar – um de letra, golaço.

Com o resultado, o Fluminense chegou aos dez pontos, ocupando a liderança do Grupo B e se aproximando da classificação à semifinal do turno. Já o Boavista ficou nos dois pontos, na lanterna do Grupo C. Pela Taça Rio, ambas as equipes voltam a campo no domingo – enquanto o time de Saquarema recebe o Americano, o Tricolor faz o clássico da rodada com o Botafogo.

ERROU O LADO…
O Boavista começou a partida tão animado que acabou errando o lado e marcando um gol contra, aos três minutos do primeiro tempo. Após cobrança de escanteio de Caio Henrique, a bola passou e encontrou o pé direito de Márcio Costa, que acabou mandando para as próprias redes, Fluminense 1 a 0. Os comandados de Eduardo Allax tentaram acertar o lado aos nove, mas o goleiro Rodolfo fez boa defesa em tentativa de Carlos Alberto.

POUCA CRIAÇÃO, MAS LETRA EFETIVA
Os minutos passavam e ficava marcada a pouca criação de ambas as equipes. O Fluminense se mostrava calmo, tranquilo – até compreensível, já que o gol aos três minutos abrira o placar. Apesar disto, sem levar perigo do Boavista, o Tricolor aproveitou o momento certo para ser efetivo e ampliou aos 38 minutos – com um golaço, diga-se de passagem. Yony González achou Gilberto, bateu, o goleiro Rafael espalmou, Everaldo pegou o rebote e Luciano, de letra, colocou o 2 a 0 a favor do Fluminense no marcador. Lindo gol!

PARA FECHAR O MARCADOR
Já no segundo tempo, o Fluminense voltou esperando a oportunidade perfeita para fazer o terceiro e selar a vitória. E não demorou muito para conseguir. Aos seis minutos, Elivelton tentou isolar a bola, mas acabou desviando em Luciano e encobrindo Rodolfo, Tricolor 3 a 0. Thiago Mosquito tentou diminuir aos 13, Stephanno aos 31, mas o placar se manteve até o apito final do árbitro com o Fluminense administrando. Vitória tranquila, merecida e embalando a equipe para o clássico no fim de semana.

FICHA TÉCNICA
BOAVISTA 0 X 3 FLUMINENSE

Estádio: Elcyr Resende, em Saquarema (RJ)
Data-hora: 14/3/2019, às 20h (de Brasília)
Árbitro: João Batista de Arruda (RJ) – Nota LANCE!: 6,5 (não influenciou no resultado, ficando sempre perto das jogadas)
Assistentes: Thiago Gomes Magalhães e João Luiz Coelho de Albuquerque (RJ)
Público/renda: 3.223 presentes/R$ 57.750,00
Cartões amarelos: Carlos Alberto (BVT) e Everaldo, Airton (FLU)
Cartão vermelho: –

GOLS: Márcio Costa contra 3’/1ºT (0-1), Luciano 38’/1ºT (0-2) e Luciano 6’/2ºT (0-3)

BOAVISTA: Rafael, Wellington Silva, Douglas Pedroso, Elivelton e Márcio Costa; Thiago Silva, Júlio César e Carlos Alberto (Pachu 23’/2ºT); Tartá, Leandrão (Stephanno 22’/2ºT) e Thiago Mosquito (Renan 35’/2ºT). Técnico: Eduardo Allax.

FLUMINENSE: Rodolfo, Gilberto (Ezequiel 17’/2ºT), Léo Santos, Matheus Ferraz e Caio Henrique; Airton (Allan 23’/2ºT), Bruno Silva e Ganso (Daniel 29’/2ºT); Everaldo, Luciano e Yony Gonzalez. Técnico: Fernando Diniz.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here