Pedro, do Fluminense, é eleito revelação do campeonato

0

Pedro foi uma das grandes notícias boas do futebol brasileiro em 2018. A revelação do Fluminense se consolidou rapidamente como um dos melhores atacantes do futebol brasileiro. A artilharia do Brasileirão parecia um objetivo possível quando o atacante foi ao chão no Mineirão, contra o Cruzeiro.

Uma lesão no joelho interrompeu a trajetória de Pedro neste Brasileirão, e o Fluminense, consequentemente, caiu de rendimento. Mesmo assim,o futebol apresentado pelo atacante foi suficiente para consolidá-lo como a grande revelação desta edição do Campeonato Brasileiro.

Foram 10 gols marcados no campeonato, que chamaram a atenção do técnico Tite. Seduzido pelo futebol do jovem atacante tricolor, o comandante da Seleção Brasileira convocou Pedro para a primeira data FIFA após o fim da Copa do Mundo. A triste lesão, no entanto, não deixou com que ele concretizasse esse sonho.

Apesar disso, esse parece ter sido um intervalo em uma promissora carreira. Não há dúvidas de que, uma vez que volte a campo, Pedro tem tudo para voltar a ser um diferencial no futebol brasileiro. E a sua participação neste Brasileirão é prova disso.

— É gratificante pra mim, eu que não pude jogar o campeonato inteiro, joguei só a metade. Receber um prêmio desse tamanho é muito gratificante pra mim. Agradeço a Deus, aos meus familiares e aos meus companheiros que me ajudaram a chegar nesse momento e, se Deus quiser, coisas grandes virão pela frente – disse o atacante.

O Prêmio Brasileirão é a cerimônia de entrega de troféus aos melhores do campeonato. No masculino, a eleição online é realizada com cerca de 10 mil profissionais de imprensa, capitães e treinadores dos 20 clubes, além de jogadores e comissão técnica da Seleção Brasileira. São 11 troféus para os atletas mais votados por posição, melhor técnico, artilheiro, revelação, craque do Brasileirão, craque da galera (escolha pelo Globoesporte.com), gol mais bonito (apontado pelos torcedores pelo Facebook da CBF), fair play, melhor árbitro e dois assistentes.

Neste ano, o Brasileiro Feminino A-1 também premiará as 11 jogadoras do time ideal, melhor treinador ou treinadora, artilheira, craque, revelação e fair play. Também está prevista a categoria Não é Só Futebol, que será destinada a uma atitude que transcende o campo de jogo, e uma grande homenagem da noite a um ídolo do futebol.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here