Assassino de John Lennon contou para a esposa sobre crime dois meses antes

Mark Chapman está preso desde 1980 por assassinar o cantor John Lennon

0

Em entrevista ao The Mirror, a esposa de Mark Chapman – responsável pelo assassinato do cantor John Lennon – contou que foi avisada sobre as intenções do marido dois meses antes do ocorrido.

Gloria Hiroko Chapman ficou sabendo dos planos de seu marido dois meses antes de John Lennon ser assassinado pelo fã em frente ao edifício Dakota – onde vivia com a esposa Yoko Ono – em Nova York, no ano de 1980, com quatro tiros.
Gloria revelou ao The Mirror que quando assistiu a notícia da morte do ex membro de The Beatles na televisão, já tinha em mente que o responsável era seu marido. “Eu sabia que tinha sido Mark. Como eu soube? Dois meses antes, Mark havia viajado a Nova York. Ele veio para casa assustado, me dizendo que, para ganhar fama, ele planejava matar Lennon”, declarou.

Gloria também afirmou sobre a segunda viagem de Mark a Nova York: “A única razão pela qual aceitei outra viagem do Mark foi porque acreditei quando ele disse que precisava crescer como adulto e marido, e precisava de tempo para pensar na vida dele”, ela confessou durante a entrevista concedida.

De acordo com ela, houve insistência para que o marido se desvencilhasse completamente da arma na época em que planejava cometer o crime. “Ele disse que jogou sua arma no oceano, mas mentiu para mim”, afirmou.

O assassino de John Lennon, entrou com um pedido de liberdade

O assassino de John Lennon, entrou com um pedido de liberdade

Chapman está preso há 37 anos, desde que assassinou o ex-beatle em 1980. Segundo sua pena de 20 anos, haveria possibilidade de prisão perpétua de acordo com avaliações periódicas. Desde que completou os 20 anos, ele teve o pedido de liberdade condicional negado sete vezes.

Leia também: Morre aos 41 anos Richard Swift, baixista do The Black Keys
O crime que custou a vida do músico John Lennon foi realizado por causa da raiva que Champan sentia da hipocrisia – segundo ele – existente na música Imagine , em que Lennon dissertava sobre como seria a vida sem posses, enquanto ele mesmo era um milionário. Mark via o cantor como alguém cheio de falsidade.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here