Operação Polícia Civil 24h é deflagrada em Teresina e no interior

0
204

A operação conta com o apoio das Polícias Militar e Rodoviária Federal e participação de 500 policiais civis de 12 Delegacias Regionais, 25 Distritos Policiais e 15 Especializadas.

A Polícia Civil do Estado do Piauí deflagrou na madrugada desta terça-feira (14) a Operação Polícia Civil 24h, com objetivo de prevenir crimes durante as festividades de fim de ano. De acordo com o delegado geral, Riedel Batista, mais de 200 mandados de prisão e de busca e apreensão estão sendo cumpridos em todo o Estado.

Segundo o delegado Riedel, além dos mandados, as ações englobam, durante todo o dia, fiscalizações e bloqueios de acesso a transeuntes e motoristas em diversos pontos da cidade. “Essa operação foi determinação do governador do Estado [Wellington Dias], do secretário de segurança pública [Fábio Abreu] para que fosse dado o cumprimento a maior quantidade de mandados de prisão, busca e apreensão, apreensão de drogas, de armas e prisões de foragidos, em todo o estado do Piauí. Contamos com mais de 17 pessoas presas. A delegacia de homicídios, encaminhou três equipes, o delegado Robert Lavor e Danúbio estão em campo e já prenderam três elementos, elementos perigosos que têm uma vasta ficha criminal”, informou.

A operação conta com o apoio das Polícias Militar e Rodoviária Federal e participação de 500 policiais civis de 12 Delegacias Regionais, 25 Distritos Policiais e 15 Especializadas, dando cumprimento a Mandados de Prisão e de Busca e Apreensão em todo estado.

Conforme o Gerente de Policiamento da Capital, delegado Lucy Keiko, mais de 10 prisões já foram efetuadas, entre prisões em flagrante e cumprimento de mandados de prisão. Dentre as pessoas, estão duas mulheres, que foram encontradas com drogas. “Foi apreendida uma quantidade razoável de crack e os envolvidos estão sendo trazidos para Central de Flagrantes”, pontuou.

A partir das 19h, policiais civis se concentram na Delegacia Geral de Polícia Civil para início dos trabalhos relacionados a vistorias em locais de vulnerabilidade, onde há presença de menores com bebidas alcóolicas, ocasião em que o Conselho Tutelar se fará presente, além de fiscalização com equipes da Delegacia de Direitos Humanos, Delegacia de Meio Ambiente e divulgação do aplicativo Salve Maria, no combate a violência doméstica.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here