Vídeo mostra ação policial que terminou na morte da menina Emily no Natal

0

A Delegacia de Homicídios divulgou na tarde desta quarta-feira (3) imagens da ação policial registrada pelo sistema de segurança que terminou na morte da menina Emily Caetano, no feriado de Natal, na avenida João XXIII, zona Leste de Teresina. O pai da garota, o cantor Evandro Costa, e a mãe Dayane Félix, foram baleados. Ele perdeu parte da audição.

Nas imagens é possível observar o carro Renault Clio dando sinal de parada e com vidros abertos, enquanto a viatura seguia em perseguição sem o uso da sirene. “As imagens corroboram exatamente com a versão da família de que eles pararam e ainda assim os policiais dispararam varias vezes contra o carro. Agindo de forma totalmente irregular”, explica o delegado Higgo Martins.

“Não temos nenhuma dúvida que estamos diante de um dolo eventual e não uma culpa consciente. A investigação é da Polícia Civil. A abordagem é um ato administrativo e esse ato tem que ser seguir princípios, como o de preservar a vida”, disse o delegado Francisco Baretta.

A polícia já recebeu o laudo cadavérico e o do local do crime. Os dois serão anexados ao inquérito, que deve ser concluído na sexta-feira.

Visivelmente abalada , é a mãe de Emily quem descreve os momentos de terror vividos após o tiroteio. Ela chega a afirmar que não confia na investigação da PM. “Eu não confio na investigação da Polícia Militar. Não confio de jeito nenhum. Eu estava sozinha e eles não faziam nada”, diz no vídeo.

Segundo a mãe de Emile, Daiane Félix Caetano, em depoimento à polícia, ela e o marido, o cantor sertanejo Evandro da Silva Costa, estavam indo levar a filha para uma franquia de açaí quando ocorreu a abordagem policial.

Daiane conta que antes dos policiais efetuarem os disparos, populares avisaram que o carro estava ocupado por uma família.

Os PMs envolvidos na ocorrência são do 5° Batalhão da Polícia Militar, responsável pelo policiamento na zona Leste da Capital. Eles estão presos.

Fonte: Cidade Verde

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here